Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Corte e costura...

Vivo no presente, o passado está lá atrás, e é lá que pretendo que ele permaneça...o futuro virá e aqui estou eu de braços bem abertos e com um largo sorriso no rosto, ansiosamente à espera de o receber!

Corte e costura...

Vivo no presente, o passado está lá atrás, e é lá que pretendo que ele permaneça...o futuro virá e aqui estou eu de braços bem abertos e com um largo sorriso no rosto, ansiosamente à espera de o receber!

Babe, há mais marés que marinheiros!

Março 07, 2014

Sem voltar atrás...

"Ter uma família é uma bênção, mas ter uma como a minha, é um presente divino. Por isso, tenho a certeza absoluta que tudo pode faltar, tudo poderá falhar, mas nunca, nunca mesmo, faltará o amor da minha família, vibrando com as minhas conquistas e amparando-me quando atravesso as noites escuras da vida. Ter essa certeza faz de mim um homem mais forte e mais feliz!"

 

 

O ser humano para além de altamente egoísta, vive e respira ilusões. A maioria de nós, não quer saber da política, está-se bem a marimbar para as catástrofes alheias (que até poderiam ser nossas ou vir a ser), e desde que estejamos bem, o mundo poderia acabar que o nosso continuaria. Pelo menos, gostamos de acreditar nisso. O ser humano na generalidade é assim...
Esquecemo-nos que somos todos feitos do mesmo barro. Que o mal do outro, pode bem ser o nosso. E que na vida, há mais momentos de azar em que nos safamos por sorte, do que momentos de sorte que acabam realmente bem.

Dói-me a alma ver-te assim. Misterioso nos sentimentos e desacreditado no poder dos que te rodeiam, em te surpreender pela positiva.

Esquecido que o tempo cura mesmo quando não se quer. Que o tempo apaga os maus momentos deixando apenas a lição. E que se assim não fosse, morreríamos de todas as vezes que nos desiludem.

Acreditarias se te dissesse que há vida fora do teu mundo? Que as pessoas são más por natureza e crueis na sua essência? Que a vida não acabou ali e que o que é nosso, à nossa mão vem parar? Podia dizer-te tantas coisas...tens que continuar, tens que seguir, e dar o devido valor ao/a que/quem merece e a dares menos atenção a que/quem não merece! Como costumo dizer babe, as coisas e as pessoas apenas têm a importância que nós lhes atribuímos, e tu babe, tu és muito mais e melhor do que julgas ser! Ti amo...hoje, sempre e para sempre! {#emotions_dlg.heart}

1 comentário

Comentar post

Contagem

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D