Segunda-feira, 28 de Janeiro de 2013

DL 01/2013 - HOMEM MAIS SORTUDO DO MUNDO

DIPLOMA 01/2013  - “Homem mais sortudo do mundo”:


Face aos acontecimentos do nosso relacionamento, venho por meio deste, na qualidade de sua mulher, retrata-lo formalmente, de todos os termos até então empregues à sua pessoa e expondo abaixo os porquês de se poder considerar como acima o descrevo.

 

 

A)   DA INICIAL INTENÇÃO DE VOSSA SENHORIA:

 

1.1. CONSIDERANDO QUE nos conhecemos através duma rede social e que nem foi precisa muita conversa para apurar uma série de itens em comum.


1.2. CONSIDERANDO a sua conversa, que respeitou na íntegra o meu discurso inicial de: “nada de conversa de esgoto”.


1.3. CONSIDERANDO a forma como vossa senhoria tentou terminar a conversa naquela noite, que me induziu a crer que logo estaríamos a explorar os nossos corpos, em incessante e incansável atividade sexual.


B)  DOS BENEFÍCIOS EXPERIMENTADOS:



2.1. CONSIDERANDO QUE nos encontrámos numa rua da cidade de Lisboa, junto a um vidrão e que demos o mais longo abraço e beijo do século.


2.2. CONSIDERANDO QUE vivenciamos nesse momento a magia da Paixão, e que todo o trajeto até à margem sul, foi interrompido (à paragem a cada semáforo vermelho) através dos nossos beijos e olhares maliciosos.


2.3. CONSIDERANDO QUE se passaram 10 longos meses em idas e vindas constantes entre Lisboa/Leiria e vice-versa, a fazer projetos e a delinear estratégias.


C) DAS RAZÕES DE SER DO PRESENTE:



3.1. CONSIDERANDO AINDA QUE até a presente data, e após o início (em Novembro do ano transato) de vida em comum, ambas as partes não apresentarem qualquer reclamação digna de maior registo.


3.2. CONSIDERANDO QUE Vossa Senhoria todas as noites cumpre com o aquecimento de pés necessário e que foi indicado inicialmente como uma necessidade básica por parte da minha pessoa.

DECIDO SOBRE O NOSSO RELACIONAMENTO O SEGUINTE:

4.1. Que continue a ser dado cumprimento ao referido em 3.2 da alínea C) do presente diploma, não fazendo referência a outras necessidades básicas, em virtude de serem tal como se indica...BÁSICAS.

4.2. Que as tarefas domésticas continuem a ser partilhadas para que não haja prejuízo para as partes e ficar assim salvaguardada a habitabilidade do imóvel.

4.3. Que o referido em 2.2 da alínea B) do presente, sejam uma constante e que não esmoreçam com o passar do tempo.


Seja Vossa Senhoria considerado o “Homem mais sortudo do mundo”(por me ter como sua mulher), e que continue a fazer jus ao acima referido.

Sem mais de momento, dou assim por encerrado o presente diploma, nada mais havendo a dizer por ora, salvo o dever de me fazer feliz pelo resto da minha vida. Publique-se.

 

Estou...:
publicado por Sem voltar atrás... às 12:44

link do post | Falem... | favorito
|

.Eu vivo... Sinceramente eu vivo! Quem sou eu? Bem, isso já é pedir demais...

.pesquisar

 

.Junho 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Portas abertas...

. Vidas em suspenso...

. Manuel de sobrevivência p...

. Francamente cansada...

. O MILAGRE DA VIDA - Parte...

. O MILAGRE DA VIDA - Parte...

. Em contagem decrescente.....

. O MILAGRE DA VIDA - Parte...

. O MILAGRE DA VIDA - Parte...

. FILHOS DA MADRUGADA

. Momento zen do dia...

.Sinais do tempo...

. Junho 2017

. Maio 2017

. Janeiro 2017

. Abril 2016

. Fevereiro 2015

. Outubro 2014

. Agosto 2014

. Junho 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

.Contagem