Quinta-feira, 26 de Julho de 2012

Sinto tanto tanto a tua falta!

Acreditarei todos os dias da minha vida, até ao meu último suspiro, que a tua morte não foi em vão! "Quando te dói olhar para atrás e te dá medo olhar adiante, mira para a esquerda ou para a direita e ali estarei, a teu lado(...)"

 

 

...as nossas conversas ficam sempre em aberto...regra geral falamos através do meu pensamento, mas hoje em particular tenho que passar os meus pensamentos para o papel...tenho pensado em ti mais do que o habitual,  talvez porque se aproxima a data da tua “partida” ...foste embora faz 2 anos e se existem momentos em que me parece tão distante aquele dia, outros há em que me parece ter sido ontem!

Ontem foi colocado aqui no serviço, um colega que veio de onde tu partiste...a cara dele não me foi estranha, mas só quando ele referiu onde fazia serviço é que me lembrei de onde o conhecia...eu devo ter feito uma cara um tanto ou quanto estranha, pois ele arregalou olhos, esticou o dedo e disse ”ah tu eras a amiga da C”!

Sim, eu era a amiga da C, respondi...e não consegui dizer mais nada! Hoje quando nos cruzámos ele veio ter comigo e pediu desculpa por ter falado em ti, eu disse que não tinha ficado com traumas e que me sentia capaz de falar de ti! Mas não fui totalmente verdadeira...dói-me falar de ti...dói-me falar daquele dia e dos dias anteriores à tua partida...dói-me ouvir dizer que foste tu quem escolheu (embora em minha opinião tenham sido as circunstâncias que escolheram por ti)...dói-me ouvir dizer que ninguém sabe o porquê da tua escolha...dói-me e vai continuar a doer-me por muito tempo minha querida amiga!

Hoje cruzei-me com uma das candidatas que estão aqui a prestar provas e por momentos vi o teu rosto no dela...o cabelo apanhado como tu usavas sempre, um largo sorriso e apenas a cor dos olhos eram diferentes, os teus eram verdes, os dela são azuis...quando a miúda sorriu para mim, foi o teu sorriso que iluminou os meus olhos! Sinto a tua falta, a falta das tuas palavras, da tua amizade...da tua companhia! A vida continuou sim, para os que cá ficámos, mas a minha em particular ficou um bocadinho mais pobre...olha por mim, olha pela pequena “M”...mantém-te por perto, e quando for o dia da minha partida, abre os teus braços quando eu chegar(...)

Estou...:
publicado por Sem voltar atrás... às 10:21

link do post | Falem... | favorito
|

.Eu vivo... Sinceramente eu vivo! Quem sou eu? Bem, isso já é pedir demais...

.pesquisar

 

.Junho 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Portas abertas...

. Vidas em suspenso...

. Manuel de sobrevivência p...

. Francamente cansada...

. O MILAGRE DA VIDA - Parte...

. O MILAGRE DA VIDA - Parte...

. Em contagem decrescente.....

. O MILAGRE DA VIDA - Parte...

. O MILAGRE DA VIDA - Parte...

. FILHOS DA MADRUGADA

. Momento zen do dia...

.Sinais do tempo...

. Junho 2017

. Maio 2017

. Janeiro 2017

. Abril 2016

. Fevereiro 2015

. Outubro 2014

. Agosto 2014

. Junho 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

.Contagem